terça-feira, 20 de julho de 2010

90. O Mundo Maravilhoso do Sutiã



Costumamos seguir uma rotina e euzinha todo dia faço tudo sempre igual, acordo, lavo o rosto ou tomo banho, escovo os dentes, passo demoradamente um hidratante , visto a calcinha e o sutiã. Epa, perai!! Sutiã?!! Há, há, há, aqui a coisa mudou, ah mudou, e ganhou um colorido especial. Por anos repito o ritual e há anos olhava os meus seios meio de banda, desde sempre eles não foram assim, como dizer, uma.... Brastemp. Gostava deles porque gosto de mim, sou canceriana e me apego a tudo e a todos que me dão prazer. E eles sempre me deram prazer, do sexo à amamentação, momento em que eles viraram dois melões gigantes, de 42 para 48, quiça 46. Depois que a fase acabou, já imaginou qual o resultado, né? Fora isso, com toda sinceridade, eles não eram nada, nem de longe o “modelo” ideal. O fato é que minha descendência indígena se fez presente, e diria que 80% dessa presença se deu nos meus seios, num traçado divino pelo GPS da natureza. Pois é, filmou? Pense naqueles documentários do Discovery, nos filmes do Xingu...Agora lembra? Então, é isso. Eles pendiam para a lateralidade e o teste do lápis poderia ser feito tranquilamente com uma garrafa Pet de 600ml. Juro! A lei da gravidade se abateu naquela região quanto eu tinha apenas 20 anos! Estava mais para uma índia velha do que para Iracema, a virgem dos lábios de mel. E para completar, eles eram manequim 42 nos 23 dias que ante-antecediam a menstruação e nos 03 dias que antecediam a menstruação ele crescia para 46, e aí ficava até mais interessante e seriabem mais proveitoso se a TPM não viesse junto. Voltando. Então na hora de colocar o sutiã sempre rolava uma inveja branca das moças que colocavam um sutiã feito como quem bebe água! Agarrava um óddddddddddio. Agora, a situação mudou, eba. Meus seios estão bemmmmmmmmmm mais bonitos. Agora que o conforto se instalou e o corpo se acostuma com a nova situação fico embevecida e admirando a modificada que driblou a natureza mesmo que motivada por uma má notícia. Além do fato clínico, afinal meu médico é um artista , convenhamos, tem o lado psicológico da história! Eu afirmo que o Dr. Maurício , que é um grande mastologista tem também um quê de terapeuta, ele mudou a minha vida e vou falar o motivo agorinha mesmo. Hoje, com um seio novo e o outro recauchutado eu posso me dar ao luxo de ficar “SEM” sutiã quando quiser e isso mudou meu astral pela manhã! O meu ritual ficou mais interessante, e ali coladinha com essa mudança, vem a mudança de guarda roupa, lógico. Sou da época em que os sutiãns não tinham muitos recursos, aliás nenhum, então sempre tive dificuldades usar os seguintes modelos:
a) Costas nuas
b) Tomara que caia
Nossa, como eu queria poder ter usado mais vezes uma ou outra, todas a ocasião que tentei não davam muito certo e minhas “gambiarras” geralmente eram desastrosas, não seguravam a onda até a manhã seguinte. Em conseqüência dessa mudança abriu-se um novo mundo, “o mundo maravilhoso dos modelos de sutiãs”! Meu Deus, onde andavam esses estilistas que fazem essa peça feminina virar a PEÇA de roupa incrível no guarda roupa de uma mulher? O que são esses modelos, cores, alças, tecidos e estilos tão diferentes?
E aqui vai uma dica para mulheres que vão fazer reconstrução de mama: vá guardando dinheiro desde já para esse momento e para experimentar modelos incríveis de sutiã que estão disponíveis no mercado , você vai precisar dessa economia até passar a fúria consumista inicial que se apossa de você depois de tirar o dreno, vestir uma camisa listrada e sair por aí! Camisetas cavadas, blusas mais transparentes e tudo o mais tudo fica lindo! Pelo menos pra mim foi assim.
A gente pode também ser protagonista daquelas cenas de filmes americanos que tratam do cotidiano de uma mulher divina e descolada. Ela coloca ou circula pela casa com uma camisa branca de algodão e uma calçola rasgada mas fica super linda! Pois eu afirmo, metade dessa confiança tem relação com os seios!
Pois bem, agora que eu começo a me a costumar e gosto muito dos meus seios novos é inevitável que eu mude um pouco o guarda roupa, claro, e começei pela minha gaveta de gaveta de calcinha e sutiã e aos poucos fui deixando pra traz uma Clélia mais inibida. Cada sutiã que separava para jogar fora ou doar era uma situação diferente que me lembrava e que agora ficava pra trás. Foi um alívio!
Depois que fiz essa “limpa”, saí para comprar uma blusa costas nuas, experimentei e ficou linda! Virei de costas e me toquei, caraca, a minha cirurgia de mastectomia me deu uma cicatriz de meia costa, bem na marca do sutiã! Ah, quer saber? Tô nem aí, a minha cicatriz é linda, faz parte da minha história e não me constrange nem um pouco. Tô louca pra comprar um tomara que caia.

16 comentários:

ClaudiaV disse...

É bom encontrar blogs que nos transmitem tanta força e energia. :) Eu hoje fui à primeira consulta de oncologia (tenho 32 e cancro na mama) e andava à procura de lenços para o cabelo (a medica disse que o cabelo ia cair logo a seguir à primeira quimio) e encontrei o seu blog! Fico sempre feliz quando encontro alguém com uma energia tao positiva e consigo-me visualizar daqui a 2 anos com tudo curado. Mais tarde vou ler a sua história com mais atenção. Muitas felicidades!

O meu blog - http://abatalha-cancrodamama.blogspot.com/

fabiEgrejas disse...

:)

Anônimo disse...

Cara , vc não pode nos largar.Estava meio triste pelo que entendi vc não viria mais ao puxadinho.Olha já escrevi pra equipe do Jô,pra ele te entrevistar. Penso que esse cantinho trás muito alento pra muita gente com essa delícias que vc escreve.
Um bj no seu coração dessa manazinha de Manaus, Engrácia.

maria disse...

amei esse momento! cuidado que vamos começar a pedir fotos desses novos modelitos, dos sutiãs e da modelo, claro! =)
adorei te ver em paulínia, vamos repetir aqui no rio!
beijo da maria

Cristina Simões disse...

adorei seu cantinho........

beijinhos

Mulher de Peito disse...

Adorei o BLOG.

Antonio Nunes disse...

Boa Noite!!!! Conheci o seu Blog hoje; só li um pouquinho até agora, mas... pelo pouquinho que li já deu para perceber que é um Blog maravilhoso!!!! E para fazer um Blog maravilhoso somente uma pessoa maravilhosa!!!! Certamente que seu Blog me será muito útil!!! Obrigado pelo seu Blog e por você existir!!! Um abraço. Antonio R. N. de Oliveira

Projeto Barretinho - Filial do Amor disse...

Parabéns!
Lindo seu blog!!Transmite energias positivas...Estou atravessando um momento bem delicado e dolorido...Mas Deus tem me dado forças pra enfrentar....

Estou divulgando esse projeto, se puder enviar para seus contatos, fico muito agradecida.

Projeto Hospital de Câncer - Filial do Amor - Paulinia


http://projetobarretinho.blogspot.com/

Espero sua visita.

Abç
Adriana

Felipe disse...

Oi Clélia,

Gostei muito do seu blog. Vc é muito alegre e divertida. Eu também estou em tratamento de câncer e tenho um blog http://tivecncergracasdeus.blogspot.com

Acho muito importante divulgar a nossa luta, pois ajuda a muitas pessoas.

Felipe

Liège disse...

Oi, Clelia. Quanto tempo!
Quando o FB me sugeriu adicioná-la como amiga, pensei "acho que ela se lembra de mim". Acabei de ver sua mensagem e vim ver seu blog.
Fiquei impressionada com tudo o que aconteceu e sinto muito pelo tio Heyrton, mas também fiquei contente por ver sua superação e seu bom humor ao relatar o contentamento com o sutiã.
A Elisa está enorme! Adorei a foto de vocês no Perfil!
Beijos.

Laura disse...

Olá,

Meu nome é Laura. Recebi o diagnóstico de cancer há dois meses.

Eu adorei o seu blog, principalmente pela energia e alto astral.

Você me incentivou a escrever. Comecei ontem mesmo!

Me dê sua opinião:
http://www.transitionpoint.blogspot.com/

Abraço,

Laura

Rosaria disse...

SAUDADES DOS SEUS POSTS!

Júlia Borges disse...

eu ainda não tenho essa capacidade de orgulho da ccatriz, mas a minha fica completamente exposta no pescoço. Me acalenta ser atriz e trabalhar mesmo com a cicatriz bem perto do rosto.
Gostei do seu blog. Consequentemente gostei de vc. rs
bju
http://equeroquevocevenhacomigotododia.blogspot.com/

Axe Adrian disse...

Ola pessoal, fico feliz por mais pessoas terem ideias semelhantes a minha de mostrar as fazes da vida que passamos.
Ficamos deprimidos e angustiados com nós mesmos, como Deus pode fazer isso comigo?
Pois é, passamos por coisas difíceis para descobrirmos como é bela a vida de superação.
Um abraço, acessem meu blog, tenho muito a dizer a todos, até...

Axe Adrian disse...

http://axe-adrian.blogspot.com

LUCIA disse...

Caramba tive que copiar e enviar por e-mail para uma amiguinha que passa por mesma situação, parabéns, parabéns, parabéns, tu fizeste da tua passagem uma grande sátira...Confesso ri muito, depois de ter chorado muito com Carolzinha!
Peço à Deus que continue te abençoando e te dando essa força maravilhosa que existe dentro de vc! Beijoos minha querida!